Home / Geral / Jean Mark reencontra a mãe um ano depois

Jean Mark reencontra a mãe um ano depois

O ex-concorrente da Casa dos Segredos já não via Ana Paula há cerca de um ano. O reencontro entre os dois no aeroporto foi emocionante, com inúmeros abraços e beijos à mistura: “Abraçámo-nos durante algum tempo e foi muito bom”
TEXTO PATRÍCIA CORREIA BRANCO – REVISTA TV GUIA
Desde que saiu da Casa dos Segredos, Jean Mark ainda não teve oportunidade de ir à África do Sul, onde cresceu, visitar a família. Mas agora recebeu uma visita inesperada, que o deixou aos pulos de felicidade.

[wp_bannerize group=Geral random=1 limit=1]

A mãe, Ana Paula Thevenau, não conseguiu suportar as saudades do filho e veio a Portugal fazer-lhe uma surpresa. “Foi mesmo inesperado, não estava nada à espera e fiquei eufórico quando a vi”, conta, entusiasmado, o ex–concorrente do reality show à TV Guia. Para o surpreender da melhor maneira, toda a família foi obrigada a contar uma pequena mentirinha. “Disseram-me para ir ao aero-porto buscar uns amigos, que estavam a chegar da África do Sul para vir passar uns dias. E eu fui, nem me passava pela cabeça que ia encontrar a minha mãe”, lembra, divertido. O reencontro entre os dois foi emocionante, conforme recorda: “Abraçámo–nos durante algum tempo e foi muito bom. Já tínhamos muitas saudades um do outro, porque já não nos víamos há um ano. Quase que chorámos.” Além da vontade imensa de ver o filho, Ana Paula veio também a Portugal para participar num encontro familiar muito especial. “Foi a festa das Bodas de Ouro dos meus avós e claro que a minha mãe tinha de vir.

Foi um dia muito giro, em que juntámos quase toda a família. Só o meu pai e o meu irmão é que faltaram, porque não conseguiram vir. Tive pena, porque também sinto muito a falta deles. Falamos todas as semanas, através do Skype, mas é óbvio que não é a mesma coisa…”, lamenta Jean Mark, dando ainda provas de como ter a família por perto é muito importante para si: “Convidei o meu irmão para vir cá em Junho. Sou eu que lhe vou pagar a viagem e vamos divertir-nos imenso. Ele tem 17 anos e vou levá-lo comigo a algumas presenças. Vai ser uma festa!”

Para já, o regresso ao seu país natal é que está adiado. “Tenho muitas saudades de África, mas tenho de aproveitar enquanto ainda sou convidado para fazer presenças. O dinheiro dá jeito, não é? Então, por enquanto, vou ficando por cá, porque quase todos os fins-de-semana tenho trabalho. Gostava de lá ir em Dezembro, na época do Natal, mas se não conseguir, talvez só para o ano, em Abril.

A QUESTÃO DAS PARTILHAS
Quando entrou para a Casa dos Segredos, Jean Mark revelou estar solteiro e confessou a vontade de encontrar uma namorada. Mas, cinco meses depois, o coração do sul–africano continua livre e desimpedido. “Não tenho ninguém, nem sequer estou apaixonado“, afirma à TV Guia, sublinhando ainda que continua à procura da sua “cara-metade.”

[wp_bannerize group=Geral random=1 limit=1]

Apesar de já ter conhecido muitas raparigas da sua idade, a verdade é que o jovem não se deixa entusiasmar facilmente, pois considera-se muito exigente e esquisito com as mulheres. “Não me apaixono por qualquer uma, é preciso ser alguém mesmo muito especial. E com estas coisas todas da fama, fiquei muito desconfiado. Nunca sei se elas se aproximam de mim por interesse ou por gostarem mesmo. É complicado perceber isso quando não se conhece bem a pessoa”, afirma. Mas, afinal, o que é preciso para conquistar o coração daquele que ficou conhecido por “trombinhas”, graças ao tamanho fora do normal do seu pénis? É o próprio quem explica: “Eu gosto de uma mulher simples e sem aqueles exageros todos de maquilhagem e muito produzidas. Tem de ser bonita, claro, mas também honesta e bem–disposta. Mas o principal é que não esteja comigo só porque eu estive na televisão. Ela tem de gostar mesmo de mim“, diz, garantindo ser um homem romântico: “Claro que sou. Quando se gosta, fazemos certas coisas só para a outra pessoa ficar feliz. É normal.” •