Home / Gossip / Nick Carter dos Backstreet Boys junta-se à lista de acusados

Nick Carter dos Backstreet Boys junta-se à lista de acusados

Nick Carter é mais um acusado na já extensa lista de famosos que assediaram ou violaram pessoas. Melissa Schuman alega num blog que foi violada pelo membro dos Backstreet Boys.

Ela diz que tudo aconteceu quando ela tinha 18 anos e o cantor 22, e para já não existe qualquer reacção por parte do artista.

Vou partilhar algo que quis fingir que nunca aconteceu desde que tinha 18 anos. Um fardo que pensei que tinha de carregar durante o resto da minha vida”, escreveu Melissa Schuman que ainda disse conheceu Carter através dos seus representantes e logo demonstrou interesse.

Só que anos mais tarde, os dois cantores participaram num filme e voltaram a ter contacto até porque ele lhe pareceu  “amável” e “carismático”. Ele terá convidado a artista para ir até sua casa em Santa Mónica, na Califórnia, e assim foi. Schuman terá levado a sua colega de quarto até porque Carter não estava sozinho.

Já no local, eles terão começado a beijar-se, mas ela terá pedido para parar a partir do momento que o ambiente aqueceu porque por convicções religiosas, era virgem e pretendia sê-lo até ao casamento.

Ele não terá respeitado o seu pedido, Carter desapertou-lhe as calças e fez sexo oral. Depois, despiu as suas calças e pediu-lhe que fizesse o mesmo, mas ela negou. Carter terá ficado danado, mas pegou-lhe na mão e colocou-a no seu pénis.


Schuman terá ficado com medo e acabou por ceder porque pensou que “a única forma de escapar seria fazer com que ele terminasse o que tinha começado”.

Após essa situação, ela afirma que o músico levou-a para a sua cama, deitou-se e forçou, sob protestos repetidos, segundo o mesmo relato citado pela agência de notícias Efe.

Na altura terá ainda tentado denunciar o assunto através do seu manager, mas acabaram por decidir não avançar por questões de dinheiro e meios, dado que Carter “tinha o advogado litigante mais poderoso do país”.