Home / Geral / Maria Vieira: A sua nova vítima foi a mãe de Cristiano Ronaldo

Maria Vieira: A sua nova vítima foi a mãe de Cristiano Ronaldo


A actriz Maria Vieira rendeu-se às redes sociais para mandar «bitaites» e desta vez a vítima foi a mãe do Cristiano Ronaldo. O motivo foi o lançamento da biografia de Dolores Aveiro, “Mãe Coragem”.

“A mãe do Cristiano Ronaldo lançou um livro. Confesso que não sei para onde ela o lançou e, deixem-me que vos diga, também não me interessa… O livro fala, segundo entendi, sobre a difícil vida da senhora, uma vida igual a milhares de mães portuguesas que sofreram na pele as mesmas dificuldades inerentes a criarem os seus filhos sem meios económicos e sociais mínimos para o fazerem de uma forma digna, sustentável e saudável, algo que, de uma maneira geral, acontece com as mães norueguesas, dinamarquesas, suecas, finlandesas, australianas, neo-zelandesas, canadianas, alemãs, holandesas…enfim, aquelas mães que vivem em países civilizados, onde o Estado social é tido como um direito fundamental ao serviço das populações.


A dada altura de uma entrevista concedida a um canal de televisão nacional, a senhora mãe do tal Cristiano Ronaldo afirma, após pergunta da senhora entrevistadora indagando qual seria o seu conselho para todas as mães portuguesas em desesperadas dificuldades, o seguinte, e passo a citar: “elas que pensem bem, trabalhem, têm dois braços, porque a gente há uma altura de maus momentos mas acaba-se por ter um fim feliz”!

E pronto, é assim: as mães portuguesas que tenham os filhos, que trabalhem muito com os dois braços, porque um dia mais tarde vão todas usufruir da riqueza milionária entretanto angariada pelos seus filhos. Esta mulher vale o seu peso em ouro e, pesada como ela é, calcula-se que o seu peso dê para alimentar muitas famílias… E em jeito de epílogo deixem-me só acrescentar o seguinte: porque é que esta senhora precisou de “lançar” um livro que se debruça sobre os pormenores da sua vida privada? Precisará de dinheiro, precisará de fama, de reconhecimento? Okay. isso é lá com ela.

Ah, já sei que muita gente, depois de ler esta minha “inocente” dissertação vai gritar, muito ofendida, que eu também já publiquei 4 livros de viagens que não interessam a ninguém e que eu sou invejosa e má, que tenho um pacto com o Diabo e o Diabo a quatro… mas para esses, eu gostaria de fazer notar que a minha filha não joga no Real Madrid, não casou com o Bill Gates e nem sequer é sobrinha do Tio Patinhas!”