Home / Brasil / Cinco suspeitos detidos por crime racista contra Taís Araújo

Cinco suspeitos detidos por crime racista contra Taís Araújo

Em Novembro a actriz Taís Araújo foi vítima de racismo nas redes sociais mas agora foram presos 5 suspeitos e ela já reagiu (aqui).

A Policia Civil do Rio com apoio da Senasp (Secretaria Nacional de Segurança Pública) liderou uma operação que resultou na detenção de quatro suspeitos e ainda de um menor pelas ofensas racistas em redes sociais contra a atriz Taís Araújo. Tiago Zanfolin Santos da Silva, 26 anos, é acusado de “insultos racistas” contra Taís Araújo, assim como a outras actrizes e apresentadores da TV Globo.

Leonardo Rabelo, coordenador da Coordenadoria de Polícia do Interior (Coorpin) em Brumado adiante que o jovem de 26 anos é “integrante de uma organização criminosa, que, pela internet, fez vários ataques racistas a atrizes, jornalistas e apresentadoras, como Taís Araújo, Sheron Menezes, Cris Vianna, Maria Júlia Coutinho, Xuxa Meneghel e Angélica“.

Em São Paulo, foi detido um outro homem que é apontado como um dos líderes do grupo que disseminava ofensas raciais pela internet. O terceiro suspeito foi preso no município de Navegantes, em Santa Catarina.

O quarto mandato foi cumprido em São José dos Pinhais, no Paraná, mas o suspeito já se encontrava preso desde Dezembro por outros crimes praticados na Internet.

Através de comunicado a actriz já reagiu, “É importante saber que a Justiça deu continuidade à denúncia e espero que crimes contra os negros não fiquem mais impunes“, disse.

Taís Araújo

Taís Araújo