Gossip

Três organizações apelam a Conan Osiris para desistir do Festival Eurovisão

O Comité de Solidariedade com a Palestina, o SOS Racismo e as Panteras Rosa apelaram, este domingo, a Conan Osiris para desistir de participar no Festival da Eurovisão em Telavive em solidariedade com artistas palestinianos.


Foi enviada uma carta ao vencedor do Festival da Canção, onde estas organizações referem “a escassos minutos de onde terá lugar o Festival, Israel mantém um cerco ilegal a 1,8 milhões de palestinianos em Gaza, negando-lhes os direitos mais básicos.”

Referem ainda que “também a escassos minutos de Telavive, 2,7 milhões de palestinianos da Cisjordânia vivem aprisionados por um muro de apartheid ilegal“.

Israel continua a expandir a sua colonização na Cisjordânia, com o intuito de expulsar mais famílias palestinianas, entregando assim as terras e casas confiscadas a colonos israelitas“, acrescentam.



Reconhecemos que não é uma decisão fácil, de largar o ‘glitz’ e glamour da Eurovisão, mas a custo de quê? O apelo ao boicote dos artistas palestinianos, brutalizados durante décadas pelo Estado de Israel, foi seguido por centenas de artistas internacionais e portugueses, de Roger Waters aos Wolf Alice. Eles percebem que a sua arte tem o poder de ajudar a mudar a situação na Palestina, mostrando a Israel que esta ocupação tem um custo“, referiu Shahd Wadi, porta-voz do Comité de Solidariedade com a Palestina.

O movimento BDS refere que muitos artistas de todo o mundo já recusaram actuar em Israel enquanto eles insistirem na “colonização” e no “apartheid”, e que “Israel está a usar a Eurovisão para branquear a opressão do povo palestiniano (…) é uma oportunidade para que Conan Osiris encontre um lugar nos livros de história, juntando o seu a outros nomes ilustres nesta campanha“.


Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Botão Voltar ao Topo