Home / Big Brother / Tino ataca Pedro e o seu namoro: “Ele prejudicou-me para eu não ganhar”

Tino ataca Pedro e o seu namoro: “Ele prejudicou-me para eu não ganhar”

O calceteiro acusa o manequim de ser um ‘‘jogador nato” e acredita que ele o prejudicou para poder ganhar o reality show da TVI. À TV Guia assume, ainda, que gosta de ver um show de striptease e que até tem uma amiga bailarina.., mas jura ser fiel à mulher. 

No primeiro dia após a sua expulsão do Big Brother VIP, Tino de Rans, 42 anos, encontrou-se com o seu ídolo de infância. “Fui almoçar com o Eusébio, ao Sete Mares. Somos amigos e gosto dele. À noite fui sair e recebi centenas de telefonemas. Tal como gostei de ter entrado, também gostei de ter saído. Sou um homem livre. Aqui fora há mais espaço e calma”, conta o calceteiro à TV Guia, entusiasmado.

[wp_bannerize group=Geral random=1 limit=1]

Já em Rans, com a mulher, Maria do Céu, 39 anos, e a filha, Catarina, 16, diz que vai gozar uns dias de férias, antes de voltar ao trabalho de calceteiro. “Vou aproveitar para estar ao máximo estes dias com a Catarina e a Maria do Céu, desfrutar para, no domingo, ir assistir à final, na Venda do Pnheiro. Depois, o martelo está à minha espera: serei calceteiro até à morte.”

Sobre o facto de os concorrentes terem falado mal de si, após a sua expulsão, Tino diz que isso não o incomodou. “Fui o miolo do programa, a melhor parte. Nunca me queimei! Quando a temperatura aquecia, fugia do calor. Era de prever alguns comentários, mas fiquei contente porque ninguém chorou”, afirma. E defende-se das acusações. “O Tino não é teimoso, é uma pessoa com opinião, que defende os seus pontos de vista“, explica, revelando que Flávio até se ofereceu para ser seu agente: “Gosto dele, disse que queria ser meu agente. Não tenho dúvidas de que fazia bem esse papel.”

PEDE O TEU CARTÃO YORN EXTRAVAGANZA DE BORLA AQUI

PROMESSA DE UM FILME

O calceteiro de Rans nega ainda ter sido inconveniente com as meninas, especialmente com Kelly, como Pedro o acusou dentro da casa. “Nunca fui atrevido com a Kelly, nem com nenhuma rapariga da casa. Protegia, quando a Catarina disse que gostava dela. Aliás, tive o cuidado de fazer essa pergunta à Kelly, se algum dia a tinha maltratado, e ela, à frente de toda a gente, disse que não.”

E ataca o namorado da brasileira: “0 Pedro não tinha ciúmes de eu olhar para a Kelly, mas, sim, de eu estar no jogo. Ele não me queria no programa! Ele sabe que sou um concorrente forte e que facilmente chegava ao topo. Ele é um jogador nato e quer ganhar, mas não vai ganhar. Tenho pena de que a Kelly esteja presa ao Pedro, pois ela é uma pessoa com um interior lindíssimo. Desejo que eles sejam felizes…

Prova de que não guarda rancores do casalinho é que até os convidou para o seu Filme, Santo António à Deriva, que vai realizar. “Convidei o Pedro para entrar no meu filme. A Kelly vai ser motorista dele, proprietário das terras“, revela. Apesar de admirar muito as mulheres, Tino jura que está feliz com a esposa, Maria do Céu. “Tenho uma vida feliz, família, estrutura. Não fui ali para arranjar nada. Fui para me divertir e conviver com as pessoas.”

[wp_bannerize group=Geral random=1 limit=1]

DISCOTECA DE ALTERNE

Sobre o facto de frequentar o Gallery, em Lisboa – discoteca de alterne, como Teresa Guilherme referiu, várias vezes, no programa , Tino responde: “Já assisti a peças de teatro, já fui ao São Luiz, ao Estádio da Luz, ao Coliseu, a muitas casas. Não tenho problemas em dizer que vou ao Gallery com amigos comer um preguinho e assistir a um espectáculo de striptease. A Mafalda também me fez um strip na casa e não fiquei chocado. Até convidei a Teresa para ir comigo ao GaIllery.”

Entre os seus amigos, conta que há uma que é stripper. “É a Catarina. Há um quarto em casa dela chamado Tino, e na nossa casa há um que se chama Leonor. Ela foi striper do Champanhe, andou comigo na estrada. Somos amigos e estive em casa dela com os pais.”

O calceteiro mais famoso de Portugal jura ser fiel à mulher, Maria do Céu, com quem está casado há 18 anos, conhece há 22, e tem uma filha, a Catarina, de 16. “Ela não tem problemas nenhuns, nem se importa, pois sou sincero e conto-lhe tudo. Não prejudico ninguém. Sou uma pessoa fiel à minha mulher. O difícil não é ter muitas, é manter uma“, afirma.