Gossip

Sean Penn acusado de piada xenófoba nos Óscares

O ator Sean Penn encontra-se debaixo de fogo depois de uma brincadeira com Alejandro Iñarritu, vencedor do óscar de melhor realizador.

[adrotate banner=”21″]

Sean Penn foi um dos co-apresentadores da noite dos Óscares, tendo entregue a estatueta dourada ao realizador mexicano. Durante a entrega do prémio, o ator terá dito, em tom de brincadeira: “quem é que deu o cartão verde a este filho da mãe?”

Iñarritu depressa reagiu à piada e, durante o discurso de agradecimento respondeu a Sean Penn: “Talvez no próximo ano o governo coloque algumas regras de imigração à academia”.

O cartão verde refere-se ao visto necessário para os imigrantes de diferentes nacionalidades residirem nos Estados Unidos. No Twitter as reações fizeram-se sentir, sendo que a piada não foi levada a bem por todos. Jose António Vargas, cineasta e ativista pró imigração foi um dos primeiros a reagir ao comentário de Penn.

Iñarritu saiu depois em defesa do ator, insistindo que a observação de Sean Penn não passou de um brincadeira de velhos amigos. O realizador de «Birdman» comentou já a polémica: “Eu achei divertido”.

O realizador e o ator já trabalharam juntos no filme «21 gramas», tendo-se tornado amigos depois disso. Recorde que no ano passado o mesmo galardão foi conquistado por Alejandro Amenabar, realizador chileno-espanhol.

[adrotate banner=”21″]

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Botão Voltar ao Topo