GeralGossipInsólito

Robin Thicke arrepende-se de ter a cantado com a Miley Cyrus

Na apresentação dos Video Music Awards a Miley Cyrus surpreendeu tudo e todos com as suas poses sensuais, línguas de fora e o roça roça. Ela sempre disse que queria apagar a imagem de Hanna Montana e está a conseguir, mas agora está a incluir no seu CV a imagem de uma pobre e barata rameira.

[wp_bannerize group=Geral2 random=1 limit=1]

Robin Thicke convidou a Miley para estar ao seu lado quando este estivesse a cantar mas ele confessa estar arrependido pois não esperava esta situação, que tem dado que falar (se tem!) em todo o lado, até levantou os cabelos aos mais puritanos e conservadores nos Estados Unidos.

Uma fonte próxima do cantor disse à revista Us Weekly que ele nunca pensou ser “abafado” na sua apresentação, num evento tão importante, julgava que iria ser somente um momento divertido. Parece que a própria equipa da cantora ficou surpreendida com esta acção da jovem porque nos ensaios não tinha sido nada assim, tão intenso e com tanto impacto.

A mãe do cantor, a actriz de 66 anos Gloria Loring também não apreciou todo “este filme” e no programa Omg insider comentou:

Não entendi o que a Miley Cyrus estava a tentar fazer. Ela não deveria ganhar este tipo de protagonismo, ela não ganha nada com isto, continuo a não entender onde ela quer chegar assim. Foi tudo tão exagerado que foi praticamente um momento de humor sobre ela

[wp_bannerize group=Geral random=1 limit=1]

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Botão Voltar ao Topo