Home / Geral / Prisão é “ilegal”. Advogados querem libertar mãe de bebé deixado no lixo com habeas corpus

Prisão é “ilegal”. Advogados querem libertar mãe de bebé deixado no lixo com habeas corpus

Os advogados Filipe Duarte, Varela de Matos e Dino Barbosa entregaram esta segunda-feira no Supremo Tribunal de Justiça um pedido de habeas corpus com vista à libertação imediata da mãe que abandonou o seu filho num caixote do lixo.


Varela de Matos é um dos candidatos a bastonário da Ordem dos Advogados. Nas redes sociais mostrou a documentação que entrou no Supremo e um breve texto.

Fizeram o pedido de  habeas corpus porque acham que a prisão preventiva que foi aplicada à jovem cabo-verdiana de 22 anos, mãe do bebé abandonado, é “ilegal”.

A malta advocante não se conforma e quer fomentar a discussão. Aguardemos. Está aberto o debate. Venham todos os contributos. Com elevação”, lê-se na publicação.


O caso do bebé abandonado.Habeas corpus contra prisão ilegal.Acabou de dar entrada no Supremo Tribunal de Justiça, a…

Publiée par Varela de Matos sur Lundi 11 novembre 2019