Pedro Barroso “Depois de construir tanta coisa, estava a danificar tudo com cocaína”

Pedro Barroso, esteve na tarde deste sábado, dia 25 de Janeiro, à conversa com Daniel Oliveira, no “Alta Definição”, da SIC.


Falou da sua infância marcada por alguma carência e dos problemas com a droga. “Se calhar abandonado é a expressão certa. Criou-me a necessidade de ser gostado, a necessidade de aceitação”.

Quando era mais criança falharam aniversários e natais. Lembro-me da minha mãe me perguntar se eu estava bem e se calhar a minha defesa fazia-me dizer que sim no sentido de não a entristecer. Mas foram silêncios que foram pesando”, continuou.


“Quando estava a gravar a novela decidi entrar em tratamento. Foi um processo para olhar para o que estava a danificar. Depois de construir tanta coisa com carinho, estava a danificar tudo com o consumo de cocaína. Decidi entrar em tratamento com ajuda”, relatou.

“Os consumos ajudavam-me a não lidar com as emoções. Se pudesse trabalhar durante 24 horas, para mim ótimo, porque não tinha de lidar comigo”, referiu.