Gossip

Irmão de Cláudio Ramos CONTA TUDO. Os podres, e como a estrela da TVI DESCARTA até a família

Luís Nascimento deu uma grande entrevista à TV 7 Dias onde fez algumas revelações e contou segredos da sua relação com a estrela da TVI, Cláudio Ramos.


Começou logo por dizer, «No início não gostei de o ver a apresentar, senti-o muito nervoso e inseguro, mas para o final achei que esteve excelente. Ele também teve um trabalho ingrato no início, sem público. Eu sou sincero, o reality show é muito mais a cara do meu irmão do que o Somos Portugal, que ele está a fazer atualmente. Porque o Somos Portugal é uma coisa de afetos, carinho e pro­ximidade com as pessoas, e o Cláudio é tudo menos isso».

Todos nós sabemos que o vencedor da Casa dos Segredos está sempre muito atento aos RS da TVI, e comenta bastante. Algo que o irmão não gosta.

«O meu irmão odeia isso e eu nun­ca percebi esse lado dele, até porque sempre esteve ligado a programas de social, onde comentava e muitas ve­ zes mais agressivo. E ele subiu assim, a dizer mal, a dizer coisas não muito bonitas das pessoas. E eu digo-lhe: ‘Ó Cláudio, eu estive lá dentro e não con­sigo não comentar.’ E ele diz-me para eu não me meter. Passa-se mesmo e temos muitas discussões por causa disso».

Ele gostava de ser comentador do Big Brother, mas não irá acontecer, «Nunca poderia ser porque o meu irmão es­tá lá. Se fizesse parte daquele painel havia duas cadeiras quentes… é mui­to complicado».


«Às vezes, a gente fica de fora e gostava de lá meter um pezinho, e agora os reality shows, para mim, fe­charam a porta. A partir do momento em que tenho ali o meu irmão, acabou! Um dia que o Cláudio vá para a SIC, talvez eu possa ser comentador».

Só que vai mais longe, «Ele sempre me complicou a vida nis­to da televisão. Na altura, quando sai da Casa, eu não sabia bem o que era suposto fazer, e depois é uma pressão grande, porque ele é o irmão mais velho e ele é que está há mais tempo no meio, e apagou-me um bocado o foco».

Só que pelos vistos ele alinhou nos pedidos do irmão, porque acaba por recusar convites a pedido de Cláudio Ramos.

«Muitas vezes a produtora ligava-me a convidar e eu dizia sem­pre que não, por causa do meu irmão. Mas nunca dizia que era por causa dele. Sempre foi um segredo nosso. Entretanto, eu desligava o telefone e a Teresa ligava para o Cláudio e ele é que ligava para mim a dizer ‘vai lá, po­des ir, diz à Teresa que sim».


Estas revelações podem causar mau estar entre eles, mas Luís Nascimento não está minimamente preocupado.

«Prejudiquei-me e só passados uns anos é que fez o clique. Um desses diques foi até de uma das vezes que sai e ele não me largava. O meu irmão não é muito de afetos; embora ele diga que é muito apegado à familia, não é nada disso. E quando sai, ele não me largava, e eu ia vendo que era capa de revistas com o meu irmão. Ele com­binava paparazzi. O que é certo é que ele aproveitou-se naquele momento, na altura eu não sabia, mas hoje em dia isso bate-me. Fez aquela semana toda comigo e simplesmente descar­tou».

E foi mais longe, «É-me igual se ele me deixa de falar. Não tenho nada a esconder. Sou muito independente, sempre fui. Não tenho problema em dar-lhe a mi­nha opinião e dizer o que penso. Ele é aquela pessoa que gosta de chegar e impor-se. Isto é como tudo na vida, as pessoas atingem um certo patamar e os outros depois têm medo de lhes di­zer seja o que for, porque podem preci­sar deles. Graças a Deus, prefiro dizer o que penso e perder oportunidades, mas não tenho de depen­der dessas pessoas».

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Botão Voltar ao Topo