Homem que atropelou irmã de Yannick Djaló condenado a 16 anos de prisão

Esta terça-feira, dia 21 de Janeiro, ficou a saber-se a sentença de Abel Fragoso, o homem que atropelou mortalmente Açucena Patrícia, irmã do jogador Yannick Djaló.


O condutor foi condenado a 16 anos de prisão por um crime de condução perigosa, um de homicídio qualificado, na morte de Açucena Patrícia, e 11 de tentativa de homicídio, relacionados com as pessoas que atingiu com a sua viatura nas Festas da Moita em 2018.

Os juízes afirmaram que o arguido se sentiu humilhado pelas agressões que sofreu antes, e essa terá sido o motivo do atropelamento.

Para lavar a sua honra, acabou por ceifar a vida de uma jovem de 17 anos que tinha um futuro promissor pela frente e apenas estava a divertir-se com os seus amigos“, explicou a juíza, presidente do coletivo, citada pelo Jornal de Notícias.


Cláudio Ramos vai mesmo para a TVI? Cristina Ferreira explica ausência