Home / Geral / Família Aveiro: DÍVIDAS E FRAUDE

Família Aveiro: DÍVIDAS E FRAUDE

Depois de investir milhares de euros para concretizar o sonho das irmãs, Elma e Kátia – que queriam abrir lojas de roupa –, Cristiano Ronaldoassiste agora ao declínio da sua marca CR7, onde o próprio negócio é posto em causa, com insinuações de “esquemas” duvidosos.

[wp_bannerize group=”Geral” random=”1″ limit=”1″]

Há ainda acusações de fraude por parte dos clientes, por a marca alegadamente não vender modelos exclusivos, e dívidas, cujo montante já foi saldado depois de o caso ter ido parar a tribunal.

Comecemos pelo caso das dívidas.

A empresa CR7, Unipessoal Lda., detida unicamente por Elma Aveiro Caires, e a CorôadeCris, Lda., detida por esta e por Cátia Aveiro Pereira, ficaram a dever cerca de 30 mil euros em encomendas de roupa, feitas entre 2008 e 2009, à Size – Comércio de Vestuário, Lda. (a mesma empresa que detém a Cirrone Jeans, que veste algumas das caras da Casa dos Segredos), da qual Jorge Faria é um dos sócios.

O processo judicial terminou em 2010 e as manas tiveram de pagar o que deviam através de acordo. Inicialmente, tudo correu bem.

[wp_bannerize group=”Geral” random=”1″ limit=”1″]

A primeira impressão que tive das duas irmãs foi ótima, sempre muito queridas e simpáticas. Colocam uma pessoa no coração, depois é a desilusão completa, referiu fonte da Size, adiantando: Na altura houve uma pessoa muito próxima delas que me alertou para ter cuidado.Acabei por não ligar muito, mas a verdade é que depois tudo se veio a confirmar.”

via novagente