>
GeralGossip

Discoteca “Urban Beach” nega atitude racista ao Nelson Évora


Na noite de ontem o Nelson Évora aproveitou a onda do “caso banana” para denunciar uma situação que se passou há duas semanas no “Urban Beach”, alegadamente foi vítima de racismo. O responsável do espaço reagiu quase de imediato no Facebook do atleta e mais tarde ao DN.pt onde afirma que nunca se passou nada do que o antigo campeão olímpico diz.

Segundo Paulo Dâmaso, o porteiro da discoteca não permitiu que o grupo entrasse porque “havia uma ou duas pessoas que estavam desenquadradas em termos do ambiente que é normal no ‘Urban Beach'”, ou seja, não corresponderiam ao ‘dress code’ exigido.

O responsável pelo grupo K garantiu que Nelson Évora nunca fez uma reclamação formal, nem na noite dos acontecimentos nem depois, e estranhou que o venha fazer agora.

Acrescentou que o atleta poderia ter pedido o livro de reclamações ou chamar o gerente e que, caso o funcionário tivesse dito aquela frase, a empresa abriria um processo disciplinar.

Paulo Dâmaso apontou ainda que esta situação está a trazer prejuízos à empresa, mas disse preferir conseguir chegar à fala com o atleta antes de ponderar tomar outra iniciativa.

// via DN.pt


Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Botão Voltar ao Topo