>
Cristina Ferreira

Cristina Ferreira ENTALA revista “VIP”

Cristina Ferreira não gostou do título da VIP no início deste mês – «A luta da apresentadora contra o cancro» – e decidiu avançar com um processo em tribunal. Posteriormente, o dono da revista veio dizer que não teve qualquer responsabilidade na escolha das palavras.


Revista VIP e a polémica com Cristina Ferreira. Dono da revista REAGIU

Agora, a apresentadora da SIC – que pode estar de volta à TVI (aqui) – emitiu um direito de resposta:

A capa e o título revista VIP, edição n.º 1160, publicada no dia 5 de Outubro de 2019, são profundamente descontextualizados e sensacionalistas, ofendendo gravemente o direito à privacidade, bom nome e a reputação da apresentadora Cristina Ferreira. O título da capa “A luta da apresentadora contra o cancro” é completamente falso e especulativo, razão pela qual se prestam de seguida as seguintes correcções e esclarecimentos:


1. O título da capa da Revista VIP, n.º 1160, “A luta da apresentadora contra o cancro”, é descontextualizado e especulativo.
2. O título em causa não é objectivo, é puramente sensacionalista e não corresponde à realidade.
3. O título da capa da Revista induz em erro, uma vez que dá a entender que é a própria apresentadora que luta contra um cancro.
4. O título da capa de Revista distorce a realidade e incentiva os consumidores a comprar a Revista, fazendo-os acreditar que é a apresentadora que está doente e que luta contra o cancro.
5. Bem como é absolutamente clara a inexistência de qualquer ligação entre o título e o corpo da notícia publicada no interior da revista.


6. Entende Cristina Ferreira que este sensacionalismo, falta de clareza e objectividade no título, sem o necessário enquadramento, afectam, necessária e despropositadamente, a sua reputação e o seu bom nome e do respectivo meio em que está inserida, causando, consequentemente, danos reputacionais na sua imagem.
7. Apesar da “Nota de Administração” emitida pela Revista VIP, no seu site, no dia 8 de Outubro, entende Cristina Ferreira ser insuficiente para clarificar toda a realidade dos factos.
8. Cristina Ferreira lamenta profundamente que a revista VIP recorra a este tipo de título falsos e deturpados para conseguir obter os seus objectivos editoriais, fazendo-o à custa da violação do seu bem nome e da sua vida privada.

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Botão Voltar ao Topo