GeralGossip

Ainda te lembras das regras originais do Big Brother?

O primeiro Big Brother (reality show) em Portugal foi há 14 anos e muitos ainda eram pequenos. As regras ao longo dos tempos foram sendo mudadas, mas ficam aqui as regras ORIGINAIS da primeira novela da vida real.



REGRA 1

Os residentes não se podem conhecer antes do programa começar

Para ser seleccionado, cada um dos residentes teve de passar por rigorosos testes médicos, psicológicos e psicotécnicos. Estabilidade emocional, “capacidade de encaixe” e adaptação às situações mais inesperadas, altos índices de sociabilidade e facilidade de convivência foram alguns dos requisitos exigidos (agora, uma equipa de médicos e psicólogos está disponível para apoio e consulta permanentes).
Outro requisito foi o de não terem antecedentes criminais.

REGRA 2

O grupo está isolado do mundo exterior

Os residentes viverão durante quatro meses numa casa com um jardim murado, sem acesso a relógios, telefones, fax, televisão, rádio, ou qualquer outro meio de comunicação. Está previsto que o seu único foco de interesse seja o convívio com o grupo.
Não existe contacto directo entre a Produção e os residentes. Todo o diálogo é estabelecido por meio de microfones. É também a Produção que define os obstáculos que o grupo tem de vencer; e basta um dos membros do grupo não cumprir os objectivos planeados para que o todo possa vir a ser afectado.
Desde o momento em que foram seleccionados, os residentes não podem igualmente estabelecer por sua iniciativa quaisquer contactos com a Imprensa; caso contrário, serão eliminados de imediato.


REGRA 3

Uma vida sem grandes luxos ou confortos

Dentro da casa leva-se obrigatoriamente uma vida regrada, sem luxos ou objectos supérfluos. Cada residente levou consigo duas malas de viagem (uma trazida por si e outra oferecida pelo Big Brother) com os seus objectos pessoais, e nada mais. O orçamento para as compras da semana será limitado, e definido pela Produção, para gestão em comum. Há ainda que organizar e dividir todas as outras tarefas caseiras, como fazer o pão, plantar a horta ou lavar a roupa (à mão).
Se os obstáculos e desafios propostos pela Produção forem resolvidos com sucesso, o plafond disponível para as compras pode aumentar gradualmente.

REGRA 4

24 horas por dia sob a vigilância das câmaras

As câmaras estão ligadas 24 horas por dia, não havendo espaço para privacidade. Repartidas por todas as divisões da casa, num total de vinte e seis, serão testemunhas silenciosas de todos os movimentos e acções, palavras e emoções.

REGRA 5

A visita ao Confessionário é diária e obrigatória

Esta é a ligação privilegiada e assumida ao mundo exterior. O Confessionário, longe dos olhos e ouvidos dos restantes residentes, permite e obriga a que cada um desabafe e partilhe diariamente as suas experiências pessoais, sentimentos e conflitos internos. É também aqui que cada residente sugere os dois nomes de quem, de acordo com o seu ponto de vista, deve abandonar a casa.

REGRA 6

De 15 em 15 dias alguém tem de abandonar a casa

O grupo assume a nomeação de duas pessoas. Mas a grande decisão está nas mãos do telespectador. Sem apelo nem agravo, os nomes mais votados por telefone e/ou pela Internet resultam no veredicto final




REGRA 7

Possibilidade de abandonar o concurso assim que o deseje

… Mas uma vez cá fora, não é possível regressar à casa. O prémio final de 20 milhões de escudos só será atribuído a quem sobreviver aos 120 dias dentro da casa: o grande herói do Big Brother!

 

OS RESIDENTES NÃO PODEM…

Os residentes na casa do Big Brother…

… não podem tocar nas câmaras, em situação alguma;
… não podem prescindir dos microfones de lapela (salvo ao deitar, no banho, na piscina e no confessionário), tapá-los (para abafar as vozes), ou descurar a sua manutenção;
… não podem levar consigo nenhum dos seguintes artigos:
telemóvel;
computador ou agenda electrónica;
rádio, walkman, discman, ou qualquer equipamento electrónico e/ou que requeira pilhas;
relógios ou despertadores;
diários, calendários ou agendas;
canetas ou papel;
lápis de maquilhagem;
comprimidos para dormir não especificamente consentidos pelo Big Brother;
outros medicamentos pessoais não especificamente consentidos pelo Big Brother;
drogas;
armas
… nem podem levar consigo mais do que:
um volume de maços de cigarros;
uma revista ou livro;
três CD (que terão de ser vistoriados pelo Big Brother);
seis garrafas ou latas de cerveja (33cl), ou 2 garrafas de vinho (75cl).

 

OS RESIDENTES PODEM…

Os residentes na casa do Big Brother podem levar consigo…

duas malas, no máximo: a sua e a do Big Brother, com:
roupa, sapatos, e artigos de higiene pessoal;
fotografias de amigos, cigarros, doces, ou o que muito bem entenderem (sob vistoria do Big Brother);
e apenas uma embalagem dos seguintes artigos:
sabonete, champô e amaciador;
desodorizante;
pasta de dentes;
espuma de barbear;
máquina de barbear (não eléctrica) e respectivas lâminas;
gel ou laca;
creme de corpo;
creme de dia/noite;
protector solar;
maquilhagem (excepto lápis para olhos ou contorno dos lábios);
pensos higiénicos e/ou tampões, na quantidade desejada (quando acabarem as embalagens o Big Brother facultará mais)

 

SAÍDA VOLUNTÁRIA

Todos os residentes podem sair quando muito bem entenderem; a saída apenas terá de ser devidamente anunciada no Confessionário e preparada em conjunto com o Big Brother. Ao residente será dado tempo suficiente para as despedidas, mas assim que o Big Brother lhe der ordem de saída, terá de o fazer de imediato, levando consigo tudo o que tinha levado para dentro da casa.

Se o residente decidir abandonar voluntariamente a casa não mais poderá voltar.

A saída voluntária poderá ser seguida pela imediata entrada de um novo elemento. Também é possível que esse elemento seja um antigo residente, já votado para sair (todos os residentes que foram votados para sair são obrigados a voltar, se o Big Brother assim o decidir). Num caso ou noutro, aplicam-se as seguintes regras:

Os residentes não podem fazer perguntas acerca do que se passa no exterior;
Os novos residentes não podem dar informações acerca do mundo exterior;
Os residentes da casa devem informar desde logo os recém-chegados sobre o seu modo de vida;
Os novos residentes nunca ganharão o valor total do prémio (20 000 000$00 Esc.), uma vez que este está directamente relacionado com o número de dias passados na casa.

 

SAÍDA FORÇADA

No caso de emergência médica com deslocação a um hospital, o residente já não pode voltar à casa.

A outra única forma de sair da casa é através da votação do público. Obrigatoriamente, cada um dos residentes nomeará, anonimamente, no Confessionário, dois outros residentes para sair, justificando as suas escolhas. Por telefone e pela Internet, o público votará depois nos dois nomes mais citados pelos residentes da casa.

O resultado desta votação será revelado em directo, no programa do resumo semanal. O residente votado para sair terá de fazê-lo de imediato. Ser-lhe-à dado tempo suficiente para as despedidas, mas assim que o Big Brother diga que tem de sair, terá de fazê-lo, levando consigo todas as coisas trazidas por si para dentro da casa (os residentes não deverão discutir entre si a escolha dos nomeados, e o Big Brother reserva-se ao direito de considerar uma votação inválida).

Na noite da saída, nenhum residente volta de imediato à sua casa. Passará a noite acompanhado por um membro da produção (e eventualmente por um familiar) em local a designar, de modo a que o seu regresso à vida “normal” seja feito de modo saudável, tanto física como psicologicamente. Na manhã seguinte recebe a visita de um psicólogo e de um médico. E só depois das consultas poderá regressar a sua casa.

 

PRÉMIOS

No fim, só um residente recebe o prémio.

Tratando-se de um dos novos residentes (não integrado no núcleo original que ocupou a casa desde o dia 1), o seu prémio será calculado em função do número de dias passado na casa.

O vencedor não pode partilhar o prémio com os restantes residentes. Haverá, no entanto, uma quantia fixa a atribuir a cada residente, para o ajudar com as eventuais despesas e prestações que precise de continuar a assegurar no exterior.

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Botão Voltar ao Topo