Home / Geral / A Final da Casa dos Segredos 3

A Final da Casa dos Segredos 3

Chega hoje ao fim mais uma edição da casa dos segredos com uma emissão um pouco mais contida a nível de gastos porque deixou de ser no campo pequeno como em edições anteriores.

Esta edição deve ter sido das que teve mais casais, alterações às regras, jantares privados erros de casting entre outros. Começando pelo inicio o numero de concorrentes (mais de 20) foi efectivamente exagerado porque 2 dias depois já estavam a expulsar uma concorrente (Tracy) que realmente nem teve tempo de se mostrar/jogar, que sentido fez?

Se na edição passada foi tudo escolhido a dedo por a maioria ser tudo uns belos armários, agora mudou um pouco as tendências mas o estranho hábito que não muda é de entre 80 mil inscrições escolherem vários conhecidos ou que são do mesmo circulo: Joana, Fábio, Mara, Alexandra, Cláudio entre outros.

 [wp_bannerize group=”Geral” random=”1″ limit=”1″]

O primeiro erro de casting foi a Petra, ela claramente chegou a uma altura que estava bastante desequilibrada e penso que não seria uma pessoa com “estofo” para um programa destes. O segundo erro de casting foi a escolha do Wilson porque efectivamente eles (entenda-se por produção) querem concorrentes que sejam facilmente manipuláveis dentro e fora da casa (com ele têm azar) apesar de a Endemol ter um contracto abusivo (que os concorrentes assinam e aceitam) já para se precaver de alguns dissabores. Digo que o Wilson foi um erro de casting devido a que o ideal de concorrente para a Casa dos Segredos tenha uma QI abaixo da média, quando aparece um que não o é ( e aqui está o erro de casting) é logo um 31 dos diabos!

No Domingo que eles entraram na casa pensei que o Hélio e Bruno iriam “dar canal“, mas foram para mim 2 grandes desilusões:

O primeiro (Hélio) mostrou-se ser um puto de 12 anos num corpo de 28, é que nem disfarça na maneira de estar e falar. O Bruno feirante é facilmente influenciável e deixou-se logo “dominar” pelo Rui Caixas e perdeu o rumo na Casa. Por falar no Rui Caixas eu acho que a atitude dele de entrar logo a atacar foi pelo seu segredo ser o “eu sou o segredo da casa”, ele não sabia o que queria dizer, mas temos de ser realistas que era um segredo importante/sonante e portanto ele pensou: “posso entrar a matar, porque com um segredo destes a produção vai-me proteger…” Tivemos ainda as gémeas de Rio Tinto que como concorrentes eram muito fracas e nada mais tenho a dizer sobre elas.

[wp_bannerize group=”Geral” random=”1″ limit=”1″]

O Caso Lá Família estragou as contas iniciais da produção e de alguns concorrentes até porque eles eram “fortes“, o caso do Rui Caixas mas por exemplo também o Arnaldo, Sandra ou Ana. O Arnaldo tinha um segredo bastante bom tendo em conta outros que por lá passaram, entrou muito bem a jogar com uma atitude calma, amigável (principalmente com as mulheres), ombro amigo, etc. O problema é que em parte isto era uma capa ou melhor dizendo “estratégia de jogo” e que para um ex-militar de forças especiais habituado a grandes pressões psicológicas deixou cair a mascara muito cedo, as escolhas erradas de grupo, discussões e outros ditaram a sua saída.

A Sandra apesar dos seus palavrões em exagero era uma concorrente divertida e poderia ter facilmente conquistado o publico como a Cátia do SS2, mas como outros fez escolhas erradas, discussões com quem não devia e foi igualmente expulsa. A concorrente Ana é a mestre da manipulação e da mentira fácil! Ela devia receber hoje na gala de fim de ano uma menção honrosa pela sua prestação, melhor que aquilo só o Sócrates.

Quem ficou a ganhar com esta história toda fora alguns dos finalistas, a Jéssica por exemplo que nunca foi nomeada e só se destacou por ter uma relação na Casa. Bom o seu “namorado” também nunca foi nomeado, mas sempre deu mais qualquer coisa ao programa com os enredos da família,  revistas e tudo mais… triste foi ter visto algumas perseguições da imprensa só com um objectivo: vender!

Outra concorrente que por sorte não chegou à final foi a chateana, upss Tatiana que passou de coitadinha a “vilã” porque realmente fazia a cabeça do Rúben em água. O ex-militar quando disse que a tinha traído a Tatiana foi logo crucificado pela tvi/endemol no primeiro dia, o que foi tão badalhoco até porque não foi uma jogada do Rúben para entrar na Casa, mas sim foi uma exigência da produção que ele dissesse aquilo para aproveitarem e fazerem jogo… o problema é que na primeira semana houve logo borrada com o detentor do “sou o segredo da Casa”.

O vencedor desta edição seria o Nuno porque tinha um segredo forte, uma relação perfeita, houve uma grande campanha de manipulação de imagens (vamos lhe chamar escolha de imagens), quando foi a revelação do segredo passaram inúmeras vezes as imagens no extra, diário, e tudo mais! Parecia o tempo de antena dos políticos…

Outro erro de casting foi a gestão da TVI/ENDEMOL com as redes sociais, porque como um responsável da tvi disse “quem vê a casa 24h por dia são os doidinhos”, mas parece que afinal…  Apesar de terem 600 mil likes a interactividade da página com os fãs é nula e sem controlo. Desprezam os blogues não oficiais (ainda estou à espera do pedido que fiz via e-mail à endemol para estar numa gala a assistir) mas são peças fundamentais na interactividade do programa, etc.

Espero que a produção tenha aprendido a lição porque se continua com o nariz empinado de “somos os maiores”, talvez continuem a levar mais na cabeça como tem acontecido com a perda da liderança da ficção para a SIC!