Home / Geral / Wilson vs Bernardo d’Olhão – Opinião do Leitor

Wilson vs Bernardo d’Olhão – Opinião do Leitor

O Wilson, com a resposta que deu no Facebook, perdeu toda a razão. Se não tinha nada com a Katia, desmentia e não alimentava polémicas. Se calhar, se a notícia não fizesse referência à falência das lojas, ela estava agora a rir com ele de tudo isto e ele não tinha vindo com tanta “valentia” defender a honra e a felicidade da donzela.

[wp_bannerize group=”Geral” random=”1″ limit=”1″]

É bom saber que ele sabe “abrir um dicionário para saber o significado de uma palavra” mas também seria bom descobrir que ele entendia o significado das definições que lá aparecem e que é mais honesto do que quem escreve “diarreias” na imprensa (por oposição a quem as escreve no Facebook).
Chamar “fdp” a alguém com quem se está a discutir não é o mesmo que calmamente chamar “bastardo” por escrito a alguém de quem não se gosta. E chamar bastardo uma vez não é o mesmo que ir buscar a definição ao dicionário e repetir o insulto (em maiúsculas) como se realmente conhecesse o destinatário desse insulto, e a mãe dele, e o marido da mãe dele, e quando é que ele foi concebido para poder ter a certeza de quem é que o concebeu. Alguém que se indigna tanto com uma legenda menos clara de uma fotografia não pode vir depois falar tão à vontade e com tantas letras como se só os outros é que tivessem obrigação de andar direitinhos. Isso é hipocrisia, por muito que isso o incomode a ele e aos fãs a quem manda beijinhos.

O que a terrível notícia descreve (é sempre bom não se ficar pelas fotografias) é um almoço entre a Katia, a Tracy e a Cátia Marisa, a que o Wilson se juntou mais tarde. Quando chegou, o Wilson só beijou a Katia e sentou-se ao lado dela com o braço sobre os ombros dela, enquanto a Tracy tirava fotos. Minutos depois de o Wilson sair ela escreveu no Facebook um textinho muito lindo sobre felicidade e pessoas que estão connosco muito tempo sem deixar nada e outras pessoas que em pouco tempo deixam tanto. E quando colocou a foto do almoço no fb a legenda era “Olha quem eu encontrei.. !!! Tão cedo!!!”
Não tenho a certeza do que ela quer dizer por “cedo”. Podiam ter ido para a noite e ela não estar à espera que ele já estivesse a pé à 1 da tarde. A revista entendeu que estava a falar de se ter separado recentemente. Noutro post anterior tinha escrito “Vou Criar laços com quem me faz bem.. Com pessoas k me pareçam verdadeiras ..desfazer os nós e os laços do passado..ter vontade própria”.
Se calhar é ela que não sabe nada do mundo e não tem experiência de como a imprensa funciona e não imaginava nem por sombras que iam começar a falar de casalinhos (coff coff, desculpem mas ando com tosse, é do frio). É muita maldade da imprensa agir como se alguem com uma carreira tão longa e relevante alguma vez precisasse de aparecer em fotos com celebridades recentes e usar o nome de familiares famosos para ser falado.

[wp_bannerize group=”Geral” random=”1″ limit=”1″]

Já agora, a Tv 7 Dias devia dar ao Wilson uma percentagem das vendas da semana. É por ter o Wilson na capa que a revista vende tanto. Eles bem puseram uma produção com o (justo ou não, não interessa) vencedor de outra edição e as suas fãs, e ainda juntaram uma fotografia gigante de duas mulheres mais bonitas que ele e que dizem que são muito namoradeiras… mas foi só para disfarçar. O que vendeu foi a fotografiazinha do Wilson, com uma legenda onde o sujeito da frase é outra pessoa e ele é só o complemento.

Não sei se é coincidência que o problema do Wilson seja precisamente com a Tv7Dias e os “incompetentes” que lá trabalham.
Quando fizeram capa com ele e o Nuno, a dizer que ele (o Wilson) era um “arruaceiro” e uma “daquelas pessoas que no final dos jogos atiram pedras ao autocarro da equipa adversária” e que na claque não gostavam dele porque dava mau nome, nessa altura o trabalho dos “incompetentes” não mereceu um desmentido (!!) Se calhar foi por isso que ele não se intimidou com o Nuno: porque a pontaria dele é melhor.


Quando fizeram um artigo com a ex-namorada em que deixaram dúvidas se teria havido violência da parte dele, e em que familiares dele diziam que ele tinha dito que tinham acabado porque ela o tinha traído, ele não veio chamar incompetentes aos jornalistas nem veio defender o nome da rapariga (apesar de ainda a amar, segundo diz). Eu por acaso achei estranho que um homem adulto e inteligente (e orgulhoso da sua inteligência) no vídeo de apresentação admitisse com tanta ligeireza ter sido traído. E também achei curiosa a maneira como ele dizia ao Bruno que não “admitia” que falassem mal a uma mulher. Na altura pareceu-me muito forçado.

Por outro lado a Kátia também não deve morrer de amores pela Tv7Dias.
Foram eles que fizeram capa com a família deles que vive num bairro social, com droga e tiros, enquanto que o CR dava a si próprio (mais) um carro que custava o suficiente para comprar 3 apartamentos. Mas cala-te boca, que tem não é pelo Cristiano Ronaldo não é um verdadeiro madeirense. E logo a seguir a esta capa, lá foi ele pelo mundo a ajudar aquele menino que tinha cancro… Abençoado Jorge Mendes e raios partam os “bastardos incompetentes” que o obrigaram a mexer-se para que a imagem do CR não ficasse manchada e a “imprensa séria” não pegasse na história e espalhasse pelo mundo tão torpes “mentiras”.
Já agora… Eu não sei como é a vida no Luxemburgo mas, pelo que dizem acerca dos salários de lá, se não estão dispostos a dar 100€ por uma peça de roupa com o logotipo do CR7 e tudo, ou a qualidade da roupa é uma grande merda ou então é mesmo asquerosa. Para acabar, e especialmente para os súbditos do Rei Wilson, fieis e leais seguidores de tão sublime defensor da bravura, da lealdade e da amizade…

Se o Wilson tinha alguma coisa (de real) a dizer contra o Bernardo d’Olhão, então que dissesse.
Começar com indirectas sobre “Castelos Brancos” e a que “Olhão” é que foi buscar o nome, não é próprio de quem tem razão e de quem tem argumentos. Continuar com infantilidades e peixeiradas do género “Não preciso de crescer mais, tenho 1,94 metros de altura e de personalidade” (cruzes credo, de repente pareceu-me ouvir a Fanny) não condiz com a imagem que ele quer fazer passar.
O Cláudio foi um grande apoio dentro da casa, até teve direito a “you’re my bro” à despedida. Depois de saber o que se conta do Cláudio cá fora, o Wilson devia ter mais escrúpulos em usar piadolas gays para rebaixar alguém. Mesmo que anteriormente usasse esse tipo de pseudo-argumento sem pensar muito, agora já deveria ter outra noção de que directa ou indirectamente é de pessoas concretas que está a falar. O Cláudio vai ficar muito magoado quando ler o que ele escreveu e descobrir que o Wilson não é nada diferente dos amigos que tinha cá fora e que o impediam de se assumir.

Em relação à fonte segura que o Wilson tem para saber como andam os salários na Impala: um beijinho para Petra, que já está perdoada.
Podem dizer o que quizerem das outras atitudes que a Petra foi tendo já depois de o Wilson sair (eu também já não aguentava) mas mais ninguém tem o direito de usar a traição da Petra para a atacar ou para explicar porque defende tanto o Wilson.



É de esperar que num jogo haja diz-que-disse e mentiras. É de esperar que completos estranhos que só se conhecem desse jogo nos deixem ficar mal, mesmo que em toda a nossa inteligência e com toda a nossa certeza da sua burrisse achemos que já os temos no bolso.
Não é de esperar que alguém tão “extraordinário e elevado” como o wilson repita, por despeito, coisas que implicitamente lhe foram ditas à confiança, em conversa informal, por alguém que se calhar era fã dele (e que se fartou de sofrer com ele) e depois venha dizer para o Facebook “se tem dúvidas pergunte à sua jornalista”. Se tem dúvidas de quê? De como andam as finanças e do carácter que o Wilson realmente tem?
Se o Wilson foi para a rua por confiar na Petra, a jornalista também tem que ir para a rua por confiar no Wilson?

Um beijinho para os fãs do Wilson
Agora pensem!

ENVIADO POR LILIANA S.