Home / Geral / Todos os cães do canil de Óbidos foram abatidos devido a surto de parvovirose

Todos os cães do canil de Óbidos foram abatidos devido a surto de parvovirose

Respondendo à onda de indignação que se multiplicou nas últimas horas nas redes sociais, e que apontava para o encerramento do canil e o consequente abate de todos os animais que ali estavam acolhidos, a Câmara de Óbidos negou hoje o fecho daquele serviço e esclareceu que os seis cães foram de facto mortos devido a doença.

Os animais que foram alvo de eutanásia no Canil Municipal de Óbidos estavam infetados com parvovirose, uma doença altamente contagiosa e que degrada, de forma violenta, a vida dos animais infetados, e impossibilitando que outros animais sejam colocados no canil municipal”, avançou a autarquia em comunicado.

[wp_bannerize group=”Geral” random=”1″ limit=”1″]

Segundo a mesma informação, a situação foi identificada na manhã do dia 15 de outubro, quando um funcionário se dirigiu ao Centro de Recolha Oficial do município de Óbidos para proceder à limpeza e alimentação dos cães que lá se encontravam.

Nesse momento foram encontrados vários animais prostrados, “com diarreias de sangue e com vómitos frequentes”. Perante o cenário, o funcionário informou o veterinário ao serviço do município, que diagnosticou parvovirose. As tentativas para salvar os animais não tiveram sucesso.

Dado o estado avançado da doença foi tomada a decisão de aliviar o sofrimento dos animais através da eutanásia, que se procede de acordo com normas sugeridas pela Direção Geral de Alimentação e Veterinária”, acrescenta a autarquia.

[wp_bannerize group=”Geral” random=”1″ limit=”1″]

O canil ficou fechado durante duas semanas, para desinfeções sistemáticas de modo a prevenir futuros contágios. Atualmente, está a funcionar “de forma normal”, tendo recebido já três animais, que estão disponíveis para adoção.