Home / Geral / Teresa Guilherme deixa carta aberta a Nicolau Breyner

Teresa Guilherme deixa carta aberta a Nicolau Breyner

Teresa Guilherme usou o seu blog para deixar uma carta aberto ao seu grande amigo Nicolau Breyner que faleceu esta segunda-feira ao 75 anos vítima de ataque cardíaco. Vê tudo aqui.

publicidade

Meu Nico Querido,
Eu sei que tu sempre gostaste de pregar partidas! Mas esta de nos deixares, sem um adeus, não se faz. Como é que queres que, de repente, o meu mundo fique sem o teu abraço quentinho? Que aceite nunca mais ouvir a tua voz, tão tua, a contar aquelas histórias, de todos os tempos e todos os atores e nunca mais rir e rir e rir, a dois?!
És um amigo de toda e para toda a vida.
Deixas um enorme vazio que não quero e não posso preencher.
E agora, a quem vou eu contar as minhas vitórias e as minhas derrotas, se ninguém vai conseguir dizer-me as palavras certas que tu dizias?
Uma luz como tu não se apaga assim, sem aviso, e deixa tudo e todos na escuridão. Eu sei que vais estar no céu, à minha espera, com imensas novidades para me contares, como sempre! Mas para já estou a ir buscar à minha saudade as muitas e eternas conversas que vou guardar dentro do meu coração que está muito apertadinho de tristeza, Nico. E prometo que não choro. Muito.. Porque tu não gostavas de me ver chorar.
Tu que sempre foste tão pontual, decidiste apressar a tua saída da vida. Fazes falta, Nico. Fazes-me muita falta! Um beijinho“.