Home / Geral / Sem-abrigo que ganhou botas prefere ficar descalço

Sem-abrigo que ganhou botas prefere ficar descalço

O sem-abrigo nova-iorquino que recebeu um par de botas de um polícia decidiu que não irá usá-las. O gesto do polícia comoveu milhares em todo o Mundo, mas para Jeffrey Hillman as botas valem demasiado dinheiro e podem custar-lhe a vida.

Ao jornal norte-americano “The New York Times”, o sem-abrigo, Jeffrey Hillman, de 54 anos, disse que “as botas valem muito dinheiro”, pelo que optou por escondê-las e continuar a andar descalço pelas ruas de Nova Iorque em pleno inverno. “Poderia perder a vida se as usasse”, explicou.

[wp_bannerize group=”Geral” random=”1″ limit=”1″]

Indiferente ao fenómeno que o gesto do polícia se tornou na Internet, Hillman, veterano de guerra que vive há dez anos nas ruas, disse que não ganhou nada com a emoção dos milhares de pessoas que viram a fotografia do polícia, Larry DePrimo, de 25 anos, a dar-lhe as botas.

Ainda assim, Hillman diz que gostaria de ter tido direito a um pouco do sucesso que a fotografia gerou, uma vez que foi publicada sem a sua permissão.

[wp_bannerize group=”Geral” random=”1″ limit=”1″]

“Eu estou grato pelas botas, não me interpretem mal. Quem me dera que houvesse mais pessoas assim no Mundo”, frisou.