Home / Geral / Daniel Martins: “O título da noticia é FALSO e HORRENDO”

Daniel Martins: “O título da noticia é FALSO e HORRENDO”

Daniel Martins RP que tem andado a “atacar” o Cláudio da casa dos segredos sem que este possa se defender, já respondeu às 3 questões colocadas pelo Dioguinho. Basicamente fiquei a perceber que todas as/os ex-namoradas/os do concorrente da casa mais vigiada do país têm o direito de falar dos outros ou expor dados pessoais (sim o numero de telemóvel estava visível na revista) sem que este se possa defender.
[wp_bannerize group=”Geral” random=”1″ limit=”1″]
DIOGUINHO – Se não gosta de ver o seu nome envolvido em polémicas, porque colocou já por diversas vezes o Cláudio na imprensa (mostrando sms privados) quando o visado não se pode defender?
Falei de um assunto que é tanto meu como do Cláudio da Casa dos Segredos.Depois, no comunicado que lhe enviei anteriormente, não faço referência ao facto de “gostar ou não de polémicas” até porque na minha vida pública profissional de 12 anos tenho mantido uma postura frontal, directa, que me tem trazido muitos dissabores e este assunto foi um deles; no entanto opto sempre por ser franco e transparente
DIOGUINHO  – O Cláudio veio a publico falar alguma vez mal de si para lhe fazer estes ataques?
O Cláudio nunca falou mal de mim nem eu falei mal dele; simplesmente falei de uma situação que é tanto minha como dele. Convém recordar que até à inicio da Casa dos Segredos o Cláudio não existia publicamente, ao contrário de mim
DIOGUINHO – Poderá explicar as suas declarações à TVI onde referiu que pouco importava se os seus antigos parceiros estavam ou não infectados só porque lhe fizeram o mesmo a si?
Deveria ouvir com mais atenção a referida entrevista, que dei à precisamente 3 anos, na véspera do Dia Mundial de Luta Contra a Sida, que tinha como objectivo ser uma conversa frontal com uma figura pública a assumir que tinha HIV em Portugal, acto que julgo ter de ser pelo menos respeitado e já agora acrescento que esta entrevista conduzida pela jornalista Conceição Queiróz teve uma audiência superior à de um reality-show, tornando-se o 4º programa mais visto desse ano.
 [wp_bannerize group=”Geral” random=”1″ limit=”1″]

Nessa entrevista referi que na única vez que tive uma relação sexual desprotegido até ao dia em que foi diagnosticada a doença (quando tive o resultado do teste), tal como muitos portugueses, continuei a ter uma vida normal e julgando-me saudável e desconhecendo o meu estado clínico, mantive relações sem protecção, obviamente não sei se infectei alguém, nem cabe a ninguém julgar um acto dessa natureza.
Também nunca me preocupei em saber se infectei porque nem eu mesmo sabia que estava infectado; no entanto e para terminar este assunto, que tem sido tratado com enorme ligeireza, relembro que estamos a falar de uma doença mortal e que no que me diz respeito, desde 12 de Fevereiro de 2007 (dia em que me foi diagnosticada a doença, como frisei no comunicado), NUNCA, tive comportamentos de risco.

O título da notícia colocada no vosso site é FALSO e HORRENDO !!!