Home / Gossip / Bárbara Guimarães chora em tribunal com boca de advogado

Bárbara Guimarães chora em tribunal com boca de advogado




Bárbara Guimarães voltou esta sexta-feira a tribunal para retomar o julgamento onde Manuel Maria Carrilho enfrenta a acusação de violência doméstica.

A apresentadora de 43 anos, foi questionada pela razão de não ter recorrido ao hospital ou ao Instituto de Medicina Legal após os alegados maus-tratos «tinha vergonha, mas o importante era ele não voltar a entrar em casa. Achei isso mais importante do que ir ao hospital. A minha irmã é que se lembrou de me tirar fotos, e eu acreditava que não as ia usar».

Bárbara Guimarães esclareceu ainda que nunca reagiu às agressões do marido «Não reagi às várias agressões. Ele parecia aço. Eu ficava numa espécie de adormecimento».

O advogado do político de 65 anos, Paulo Sá e Cunha, fez a apresentadora recordar um episódio em que Manuel Maria Carrilho apontou uma faca e disse que a matava, aos filhos e depois se suicidava.

«Assim ninguém ia ao funeral de ninguém» comentou o advogado da defesa, que mais tarde se desculpou enquanto Bárbara saiu da sala a chorar.